Já sabe como dar um feedback positivo? Aprenda com a gente!

Nova call to action

Ser gestor de uma equipe e mantê-la alinhada com os objetivos da empresa não é uma tarefa fácil. Mesmo que todos os membros tenham fit cultural e sintonia entre si, em algum momento o sincronismo fica abalado. Antes que o pior aconteça, o líder precisa aprender como dar um feedback positivo de forma a reerguer seu capital humano e integrá-lo novamente.

Pode parecer estranho quando ainda não conhecemos seus reais objetivos, mas, ao ser realizado da forma correta, o feedback oferece grandes benefícios para o gestor, os colaboradores e a empresa.

Neste conteúdo, vamos explorar esse tema tão importante para o RH e para que os líderes entendam que dar um feedback positivo pode fazer mudanças incríveis na vida dos profissionais e na organização. Não perca a leitura!

O que é feedback positivo?

Uma palavra muito falada mas ainda pouco usada de forma efetiva nas organizações, o feedback significa dar retorno com relação a determinado assunto, circunstância etc. 

Quando o gestor pratica o feedback com sua equipe de forma eficiente e transparente, os resultados impactam positivamente em muitos aspectos. Conheça os principais na sequência!

Redução do turnover

Ao transmitir ao colaborador se o caminho que ele está traçando na empresa está correto — atitudes, produtividade, relacionamento interpessoal —, o profissional se interessa em permanecer na instituição, pois se sente parte importante e deseja desenvolver ainda mais. O turnover afeta muito o crescimento do negócio. Assim sendo, combatê-lo ao reter os melhores talentos é muito importante para os gestores e para a empresa. 

Promoção do autodesenvolvimento

O feedback positivo não oculta os pontos de melhoria do funcionário, mas cabe ao gestor falar sobre o assunto de forma que o profissional não se sinta inferior. Pelo contrário, deve despertar o interesse da pessoa em crescer na carreira e superar suas dificuldades.

Redução de falhas

Se o talento conhece seus pontos fortes e o que precisa ser melhorado, automaticamente ele observará suas atitudes com mais atenção durante a execução das tarefas, reduzindo as falhas que acontecem durante o processo. Esse é um passo fundamental para a melhoria da autoconfiança.

Melhora no clima organizacional

Profissionais que são orientados constantemente em sua trajetória profissional desenvolvem a autoestima e a empatia. Portanto, são pessoas mais conscientes de seus objetivos e de suas qualidades e aprendem a reconhecer as qualidades do outro, transformando o ambiente interno em um lugar mais harmonioso e positivo.

Aperfeiçoamento na comunicação

Ao criar uma cultura de feedback, o gestor estreita o relacionamento com os membros de sua equipe. Eles entendem que são observados de perto, não com um olhar julgador, mas sim de parceria entre líder e liderados. Assim sendo, a comunicação aumenta positivamente, assim como novas ideias para melhoria dos processos.

Como dar um feedback positivo?

Tão importante quanto fornecer o feedback é a forma de fazê-lo, pois, caso algo não saia como o esperado, o resultado pode ser prejudicial a todos os envolvidos. Por isso é bastante relevante seguir os passos que daremos a seguir para que a experiência do gestor e da equipe seja sempre positiva.

Faça um planejamento

Antes de agendar o feedback com a equipe ou individualmente, colete os dados necessários e faça um planejamento detalhado de tudo o que precisa ser dito durante a conversa. 

Lembre-se de que o improviso prejudica a funcionalidade dessa medida tão pertinente e necessária para o crescimento do colaborador e da relação entre gestor, funcionário e empresa.

Seja transparente e sincero

Para compreender e ser compreendido, seja sincero em suas considerações, mantenha o tom de voz amigável e tenha empatia. 

Toda essa situação eleva o nível de ansiedade do profissional, na medida em que ele não tem certeza do que o gestor pensa sobre seu trabalho. Então, cabe ao líder mediar esses sentimentos sendo transparente e gentil. Espere o nível de tensão do colaborador baixar para começar o feedback.

Apresente os pontos fortes

Para iniciar a conversa, apresente todas as qualidades do colaborador, tanto as profissionais quanto as pessoais, pois uma está interligada à outra.

Pergunte sobre o que o leva a agir de forma tão positiva e compreenda como o funcionário se enxerga dentro da organização. Esse interesse ajudará o líder a também descobrir o motivo das dificuldades do colaborador em outras situações. 

Dê exemplos de bom desempenho

Reconheça e aponte todas as situações em que o talento foi bem-sucedido. Incentive essas atitudes e o ajude a encontrar onde mais ele obterá sucesso agindo dessa forma.

Apresente exemplos de atitudes positivas de outros profissionais. Jamais utilize esses exemplos para comparar ou minimizar as boas ações do seu liderado, apenas para incentivá-lo a ser melhor.

Diga os pontos a serem melhorados

Após as considerações sobre os pontos fortes, é a hora de apresentar as melhorias que o colaborador precisa desenvolver. O gestor deve permanecer com o tom de voz amigável para não criar resistência por parte do funcionário.

Assim como foi feito para valorizar suas atitudes positivas, recolha as informações necessárias para fornecer os pontos que devem ser desenvolvidos e mostrar ao profissional as consequências que as mudanças vão gerar.

O líder deve ter empatia e, para cada problema, apresentar as soluções. Dessa forma, o colaborador se sentirá mais confiante e aberto às mudanças necessárias.

Utilize dados de indicadores e de softwares de gestão

Para melhorar continuamente pessoas e processos é importante que eles sejam medidos. Adotar indicadores é o método mais seguro para obter dados precisos e soluções necessárias para o desenvolvimento dos talentos e das atividades desempenhadas. 

O mesmo serve para o uso de softwares de gestão de RH. Ao terem seus bancos de dados alimentados de forma contínua e correta, eles são capazes de apontar aos gestores as informações de seus colaboradores em tempo real.

Com essas ferramentas, os líderes ganham mais tempo para investir nas melhorias necessárias, de modo a alinhar as competências e habilidades dos profissionais com os objetivos da empresa.

Desenvolva melhorias em conjunto

Um feedback positivo individual é muito importante para o crescimento do profissional, mas o feedback coletivo é fundamental para o desenvolvimento de toda a equipe.

Existem pontos em que somente o time atuando de forma conjunta é possível evoluir. Por isso, tão necessário quanto fornecer o feedback e apresentar soluções para a equipe é ouvir o que todos têm a dizer e as contribuições que cada um pode dar.

Com isso, a sintonia entre o time aumenta, assim como a motivação, o engajamento e a produtividade.

Qual o papel do líder no feedback positivo?

O feedback positivo é uma etapa muito importante para a carreira do profissional e para os resultados do negócio. Assim sendo, torna-se crucial que o líder esteja preparado para realizar essa função de forma construtiva e incentivadora.

O RH tem papel fundamental no desenvolvimento de líderes humanizados, realizando treinamentos focados, acompanhando cada um em suas dificuldades e apontando o melhor caminho para que essa seja uma experiência positiva para todos os envolvidos.

Ao aprender como dar um feedback positivo, o gestor aprimora suas habilidades individuais e coletivas, aprende a ter empatia e aumenta a confiança na relação com seu time. Além disso, ele transforma seus profissionais em uma equipe de alta performance com talentos engajados, motivados, produtivos e felizes no ambiente corporativo.

Este conteúdo foi importante para o seu desenvolvimento? Aproveite e aprenda também como unir Recursos Humanos e liderança com 6 dicas valiosas. Boa leitura!

Nova call to action
Nova call to action
Nova call to action